Dia do agricultor: Aquele que trabalha para alimentar a nossa nação

  • por

O dia do agricultor foi instituído no ano de 1960, pelo então presidente Juscelino Kubitschek, em comemoração aos 100 anos do Ministério da Agricultura. Antes, porém em 28 de julho de 1860, Dom Pedro II criou a Secretaria de Estado dos Negócios da Agricultura, Comércio e Obras Públicas. Já em 1930, depois de diversas mudanças de nomenclatura, a Pasta passou a se chamar Ministério da Agricultura.

Do início de sua criação até os dias atuais, muita coisa mudou na agricultura, com a inclusão da tecnologia, a ciência, o cultivo tornou-se uma arte cada vez mais rica e empreendedora.

O Brasil é um dos principais países agrícolas do mundo, sua produção nacional se destaca em vários cultivos, sendo as principais a cana-de-açúcar, café, laranja entre outros. Destacando-se também na produção de carne bovina, frango, fumo, plantação de soja e milho, que ano passado bateu recorde de exportação destes grãos.

Além de produzir alimentos, o agricultor é responsável por produzir matéria-prima para inúmeros insumos que consumimos no nosso dia a dia, desde o algodão que confecciona o tecido das nossas roupas, até o pãozinho que vai à nossa mesa. Da produção do papel, ao etanol dos carros; entre outros…

O trabalho do agricultor é de fundamental importância na nossa sobrevivência, estes que mesmo em tempos difíceis de pandemia, têm se dedicado ao trabalhado arduamente e garantido principalmente que haja alimentação para manter ativo o comércio de alimentos.

Parabéns a todos! Que seu trabalho digno e essencial, continue nutrindo as suas, as nossas e as famílias do mundo todo com o pão, a esperança, e o trabalho de cada dia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *